#Compartilhe

Compartilhe esta postagem no Facebook

Compartilhe esta postagem no G+

Pesquisar no site

Universo: Do Simples ao Complexo


Se a complexidade do Universo é prova da existência de um criador, a complexidade do criador não seria prova de que ele também foi criado? Se tudo no Universo tende do mais simples ao mais complexo, um criador, onipotente e onisciente seria mais simples do que aquilo que criou?

Segundo a Ciência, o Universo teve sua origem há aproximadamente 13.7 bilhões de anos em um evento chamado Big-Bang. Atualmente as galáxias se afastam umas das outras para todas as direções, demonstrando que o Universo está em expansão a partir de um único ponto original, também chamado de "átomo primordial". Uma radiação emitida por todo o Universo, conhecida como "frequência de background", também informa que todas as partículas que o compõe um dia estiveram em um mesmo local, ou seja, embora o Universo seja extremamente grande para os padrões humanos, ele é um único ponto em expansão. As luzes dos quasares e galáxias remotas necessitaram de muitos anos para alcançarem a Terra, permitindo aos astrônomos medirem a idade do Universo conhecido, revelando não milhares, mas bilhões de anos. O decaimento atômico de vários elementos, as alterações geológicas, a deriva continental demonstram uma gradativa evolução da Terra, permitindo cálculos que revelam sua idade em torno de 4,6 bilhões de anos. Vários ramos da Ciência como a bioquímica, arqueologia, paleontologia, geologia e genética convergem na demonstração de que toda a vida na Terra e sua complexidade surgiu a nível microscópico da combinação espontânea de elementos químicos como o carbono, hidrogênio e nitrogênio, passando por células microscópicas com suas organelas, avançando por níveis de complexidade cada vez maiores culminando nos primatas e atingindo proporções descomunais como as encontradas nos extintos dinossauros e nas modernas baleias. Estudos cosmológicos sobre o nascimento e morte das estrelas mostram que em seu interior todos os elementos foram formados a partir do hidrogênio, o elemento mais simples, através de fusão nuclear. Observações da matéria em aceleradores de partículas demonstram que os 92 elementos químicos são formados apenas por quarks e léptons que, por sua vez, foram formados por cordas unidimensionais como sugerem as teorias matemáticas das Supercordas e do Multiverso.

Estes e muitos outros fatos observados na matéria, na Terra, no sistema solar, assim como em todo o Universo, revelam uma evolução gradativa e natural que vai do mais simples ao mais complexo sem necessidade da intervenção de um criador.

"O que eu fiz foi demonstrar que é possível determinar pelas leis da Ciência o modo como o Universo começou. Neste caso, não é necessário apelar a Deus para explicar como começou o Universo. Se isto não prova que Deus não existe, pelo menos prova que Deus não é necessário para nada." Stephen Hawking

Ver também A Origem de Tudo (Então Quem Fez o Universo?) e A Inteligência na Origem de Tudo.

6 comments:

  1. Olá!
    Encontrei seu blog via sugestão de um leitor seu, Adamantdog, no blog Deusilusão.
    Fiquei encantada pela qualidade e alto nível dos textos, já adicionei aos meus favoritos e aos poucos porei em dia a leitura.
    Sobre este post,embora eu vá 'chover no molhado', tenho algumas considerações.
    O deus criador, qualquer que seja ele ao longo da jornada humana, reflete o modus operandi da espécie, de certa forma, já que nós criamos o mundo em que vivemos a partir do que está e já esteve disponível,usando os fatores constantes de maneira a prover o máximo de conforto e utilidade, daí a cosmogonia judaico-cristã, por
    exemplo.
    Se há um mundo, tem de haver um criador e o mais que segue é mera fotocópia, por assim dizer, das idiossincrasias humanas.

    Enfim, um excelente texto, muito pertinente.
    Abraço
    Shirley

    ReplyDelete
  2. Marcio Del Trejo4:23 PM

    Camille Flammarion, isaac newnton, sempre os maiores genios da ciencia suspeitavam de um tipo de onipresença e misticismo que esta alem da materia e da biologia, fisica, os fisicos estao tentado mostrar que o universo e uma especie de matriz, a traços e coisas ajustadas demais como as frequencias no universo parecem serem vitais, uma espiritualidade suprema parece regular as vibraçoes da materia para fazer bem, seria isso coincidencia demais.

    ReplyDelete
  3. E quem criou o átomo primordial? Se não o criaram, de onde ele veio? Como veem, admitir o NADA, como fazendo o átomo primordial, assim como admitir um DEUS, criando este mesmo átomo, mas não podendo explicar de onde veio Deus, dá na mesma. Assim, prefiro continuar acreditando na existência de Deus.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Descubra o Deus Verdadeiro através do livro Universo em Desencanto !

      Delete
    2. Descubra o Deus Verdadeiro através do livro Universo em Desencanto !

      Delete
  4. OCCAM6:17 PM

    Pela navalha de Occam, escolhe-se a alternativa mais simples, qual seria? Deus ou o Nada?

    ReplyDelete

Pregações, palavras de baixo calão, ofensas pessoais, práticas de trollagem, rotulações e argumentos ad hominem serão excluídos.